sábado, 27 de fevereiro de 2016

Visita Virtual ao CMS no CERN - 2016

No dia 24 de fevereiro de 2016, pelas 15 horas, 55 alunos e 5 professores da Escola Secundária Dr. Júlio Martins participaram, por videoconferência, numa visita virtual à experiência CMS instalada no LHC, no CERN. Nesta atividade, promovida pelo projeto Inspiring Science Education (ISE), participaram mais quatro escolas portuguesas: Escola Secundária Paços de Ferreira (Paços de Ferreira); Escola Secundária de Loulé (Faro), Agrupamento de Escolas Dra. Laura Ayres (Quarteira); Escola Secundária Adolfo Portela (Águeda).

Ao lado está um pequeno excerto da visita. Podem ver a visita completa na página da videoconferência (ver mais abaixo).
Agradecimentos: Guias da visita ao CMS: Pedro da Silva, André David e José Carlos da Silva. Apoio logístico e técnico no CERN: Angelos Alexopoulos, Noemi Beni e Zoltan Zsillasi. Apoio na escola: Colegas, Tecnicos e Diretor.

Links:

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Resultados do 2º Teste

Plutão: Desde as Montanhas até à Planície
Crédito: NASAJohns Hopkins U. APLSwRI

Já podem consultar os resultados do segundo teste e do teste teórico-prático.
Para aceder ir aqui.

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Resultados do 1º Teste


Já podem consultar os resultados do segundo teste e do teste teórico-prático.
Para aceder ir aqui.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Visita Virtual ao CMS no CERN

CMS detector. Credit: CMS/CERN

No dia 25 de fevereiro de 2015, pelas 15 horas, 150 alunos e professores da Escola Secundária de Penafiel participaram, por videoconferência, numa visita virtual à experiência CMS instalada no LHC, no CERN.
Nesta atividade, promovida pelo projeto Open Discovery Space (ODS), participaram mais quatro escolas portuguesas: Escola Secundária Ferreira Dias (Sintra); Escola Secundária José Saramago (Mafra), Agrupamento de Escolas Dra. Laura Ayres (Quarteira); Escola Secundária Adolfo Portela (Águeda).
ÚLTIMA HORA: Fontes do CERN revelaram que foi estabelecido novo recorde de visitas ao CMS! Foram 553 alunos!!! Parabéns a todos!

Agradecimentos:
Guias da visita ao CMS: Pedro da Silva, André David e José Carlos da Silva.
Apoio logístico e técnico no CERN: Angelos Alexopoulos, Noemi Beni e Zoltan Zsillasi.
Apoio na escola: Colegas e Diretor.
Para saber mais:

         

domingo, 30 de novembro de 2014

Resultados do segundo teste


Já podem consultar os resultados do segundo teste e do teste teórico-prático.
Para aceder ir aqui.

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Números Quânticos

Existem quatro números quânticos:
  • número quântico principal;
  • número quântico de momento angular ou azimutal(secundário);
  • número quântico magnético;
  • número quântico de spin.
O número quântico principal (n) descreve o nível de energia, de um átomo. O valor de n varia de 1 até ao nível que contém o electrão mais exterior do referido átomo.
O número quântico azimutal (ℓ) (também conhecido como o número quântico angular ou número quântico orbital) descreve a subcamada, e dá a magnitude do momento angular orbital. Os números variam desde ℓ = 0, 1, 2, ..., n - 1. Em química, este número quântico é muito importante, uma vez que especifica a forma da orbital atómica e influencia fortemente as ligações químicas e ângulos de ligação.
O número quântico magnético (m) descreve a orbital (ou "nuvem") específico no âmbito da subcamada, e produz a projecção do momento angular orbital ao longo de um eixo de especificados, ou seja a sua orientação espacial. Os números variam desde mℓ = -, ..., -1, 0, 1, ..., +.
O número de projecção quântico de spin (ms) descreve o spin (momento angular intrínseco) do electrão dentro da orbital, e dá a projecção do momento angular de spin S ao longo do eixo especificados. O electrão tem spin s = ½, consequentemente ms será ±½, correspondendo ao "spin" e "spin contrário ou oposto". Cada electrão na sua orbital individual terá diferentes spins devido ao  Princípio de exclusão de Pauli, deste modo uma orbital nunca irá conter mais do que dois electrões.

Resumo sobre os números quânticos. Para ver uma versão maior ver aqui.

nomesímbolosignificado do orbitalfaixa de valores
número quântico principalncamada1,2,3...
número quântico azimutalsubnível0,1,2,...,n1
número quântico magnéticomdeslocamento de energia,+1,....,0,....,1,
número quântico de spinmsspin12,12



A tabela a seguir mostra a relação entre os números quânticos e os orbitais.
nlOrbitalmlmsNúmero de Combinações
101s0-1/2, +1/22
202s0-1/2, +1/22
212p-1, 0, +1-1/2, +1/26
303s0-1/2, +1/22
313p-1, 0, +1-1/2, +1/26
323d-2, -1, 0, +1, +2-1/2, +1/210
404s0-1/2, +1/22
414p-1, 0, +1-1/2, +1/26
424d-2, -1, 0, +1, +2-1/2, +1/210
434f-3, -2, -1, 0, +1, +2, +3-1/2, +1/214

Mais em:
http://en.wikipedia.org/wiki/Quantum_numbe
r